Páginas

17 de mar de 2011


Diálogo com Jesus



Obrigado Senhor,

Pelos meus braços perfeitos,
Quando há tantos mutilados;
Pelos meus olhos perfeitos,
Quando há tantos sem luz;
Pela minha voz que canta,
Quando tantas emudecem;
Pelas minhas mãos que trabalham,
Quando tantas mendingam.
É Maravilhoso Senhor,
Ter um lar para voltar,
Quando há tantos que não tem onde ir;
Sorrir,
Quando há tantos que choram;
Amar,
Quando há tantos que odeiam;
Sonhar,
Quando há tantos que se revolvem em pesadelos;
Viver,
Quando há tantos que morrem antes de nascer;
Sobretudo, ter pouco a pedir,
E tanto a agradecer.

(Desconheço o Autor)

Nenhum comentário: