Páginas

4 de ago de 2007

O costume de orar


orarsempre.jpg

por Antonio Francisco

A vida é feita de hábitos, pois somos o que fazemos. A Bíblia diz que o profeta Daniel costumava orar, e fazia isso três vezes por dia (Dn 6.10). Parece que esse era um costume judeu, orar à tarde, pela manhã e ao meio-dia (Sl 55.17). A Bíblia nos ensina a orar com perseverança em todas as ocasiões, por todos os irmãos e por todas as pessoas (Ef 6.18; 1 Tm 2.1). A oração tem deixado de ser um costume devido a correria e o materialismo de nossos dias. Mas não podemos abrir mão de orar ao Pai (Mt 6.9), orando continuamente (1 Ts 5.17), e separando um tempo específico para entrar em nosso quarto e orar em secreto ao nosso Pai celestial (Mt 6.6). Que cada um de nós tenha o costume de orar. Vamos lembrar das palavras de A. J. Gordon: “Depois que oramos, podemos fazer mais que orar; mas, enquanto não orarmos, não podemos fazer nada”.


Nenhum comentário: